15 tendências Growth no marketing digital para 2020

Growth-se ;0)

Quais são as maiores tendências de marketing digital e marca que estão moldando o próximo ano? Como os profissionais de marketing abordarão o aumento da conscientização da marca, a atração de novos clientes e a crescente receita em um mundo digital sempre ativo, onde a única garantia é a mudança?

2020 será como nada que vimos antes no cenário digital.

A competição está ficando pesada! No entanto, a boa notícia é que os profissionais de marketing estão ficando mais espertos!

Eles têm dados poderosos na ponta dos dedos para serem mais ágeis. Eles têm influenciadores entusiasmados em trabalhar com eles para ampliar sua marca, expandir seu alcance e construir novos relacionamentos. Eles estão preparados para capacitar seus funcionários como defensores da marca e ajudá-los a desenvolver suas marcas pessoais.

Bravos profissionais de marketing ganharão em 2020!

Os profissionais de marketing mais bem-sucedidos em 2020 serão corajosos.

Mesmo que não sejam especialistas em tudo o que gostariam de ser, correrão riscos, adotarão novas tecnologias e usarão continuamente os dados para otimizar os resultados.

15 tendências da marca digital que você não pode ignorar em 2020

1. As marcas irão otimizar sua presença digital

Construir sua empresa em terrenos alugados nunca foi uma aposta segura. Contudo, isso não impediu os profissionais de marketing preguiçosos de colocar todos os seus ovos digitais em cestas sociais que não possuem, como o Facebook e o Instagram. Muitos desses profissionais de marketing estão agora lamentando essas decisões.

A racionalização da sua presença digital é fundamental em 2020. Seus clientes precisam encontrá-lo facilmente e saber que você é um negócio estabelecido.

Você precisa de uma base que seja sua, e não de aluguel.

2. As marcas ficam bravas com as mídias digitais e sociais

As marcas estão sentindo o peso digital da concorrência. Os métodos antigos não estão funcionando como funcionavam há cinco anos.

Até as indústrias que no passado demoraram a adotar novas mídias digitais agora estão experimentando novos formatos de mídia, plataformas digitais e tecnologias para romper o barulho.

Dica de energia: profissionais de marketing, é hora de melhorar o seu jogo digital! Explore como vídeo, podcasting, conteúdo interativo e tecnologias emergentes podem ajudá-lo a alcançar seus objetivos. Não persiga objetos brilhantes, mas concentre-se no que você pode fazer com a tecnologia para atingir seus objetivos!

3. Marcas ficam mais humanas

Humanizar sua marca é um requisito, não uma opção em 2020. Os dias de lançar folhetos corporativos na rua e esperar que o telefone toque acabaram.

Você precisa se comunicar com seu público e clientes como seres humanos reais.

As marcas estão investindo em marcas pessoais para seus líderes e funcionários, além de desenvolver programas de advocacia para funcionários.

Os programas de defesa dos funcionários armam a marca com um exército digital de defensores da marca que podem representar a marca muito melhor do que um comunicado de imprensa chato.

76% das pessoas dizem que têm mais probabilidade de confiar no conteúdo compartilhado por pessoas “normais” do que no conteúdo compartilhado pelas marcas.

4. Marcas se comunicam

Um dos principais objetivos das marcas em 2020 deve ser manter um relacionamento contínuo com seu público. Uma conversa contínua que ganha confiança, fortalece, inspira e entretém, proporcionará impacto e um retorno positivo sobre o investimento (ROI).

Os dias em que você pode publicar uma postagem de blog com palavras perfeitas por mês e chamá-la de “marketing de conteúdo” terminaram.

Os profissionais de marketing que investem verdadeiro coração e esforço em seu marketing de conteúdo terão grandes vitórias!

5. Marcas aumentam o volume com marketing de influência

As marcas continuarão aumentando o volume, o envolvimento e os resultados com o marketing de influenciadores.

Minha expertise e consultoria de marketing digital e Growth Hacker, Neto Angel, ajuda marcas de todos os tamanhos a maximizar resultados com programas de marketing de influenciadores desde 2010! Estou emocionado ao ver o marketing de influenciadores se tornando mais o fluxo principal, mesmo para empresas menores.

Da forma mais simples, o marketing de influenciadores é uma parceria entre marcas e pessoas com influência. O marketing de influenciadores é uma comunidade dinâmica, viva e respiratória, onde interações, transações e relacionamentos se acendem entre criadores de conteúdo, marcas e clientes.

68,8% das marcas já estão aproveitando o conteúdo de marketing de influenciadores. Outros 21,3% planejam adicioná-lo ao seu mix de marketing.

Você não precisa de muito dinheiro para explorar o poder do marketing de influenciadores. Existem influenciadores em todas as plataformas, incluindo LinkedIn, Twitter, Facebook, YouTube e Instagram, ansiosos por trabalhar com marcas para colaboração.

Os micro-influenciadores com seguidores de 10.000 a 50k têm taxas de engajamento 41,7% mais altas do que os influenciadores maiores com 500.000 a 1 milhão de seguidores. Isso ocorre porque muitas vezes as pessoas seguem “celebridades” apenas porque são famosas. Eles não têm uma “conexão do coração” com elas. É menos provável que os fãs tomem medidas de uma celebridade. É mais provável que eles tomem medidas de microinfluenciadores que investem em realmente ajudá-los.

Dica Growth: Encontrar e formar parceria com os influenciadores certos proporcionará um alto retorno aos profissionais de marketing que dedicam tempo para fazer a pesquisa e investir no relacionamento com influenciadores a longo prazo.

6. Os profissionais de marketing ficam mais inteligentes com medição e otimização

Os melhores profissionais de marketing sabem que dados e análises são seus melhores amigos. Aprender como ajustar, enxaguar e otimizar suas campanhas de marketing, conteúdo e programas sociais ajudará você a ser mais ágil.

Aprender a aprender rapidamente o conteúdo que está funcionando, otimizá-lo para maior retorno e repetir, repetir, repetir é uma receita para o sucesso.

As decisões orientadas a dados os governarão e os capacitarão a adotar totalmente o melhor dos recursos de curadoria de redes sociais, como Instagram TV (IGTV.) Os profissionais de marketing adotarão conteúdo com curadoria, aproveitando o melhor conteúdo comprovado que possuem.

7. Pesquisa por voz

Prepare seu conteúdo para pesquisa por voz. Pense em como e o que seu público-alvo procurará.

  • 50% de todas as pesquisas terão voz até 2020;
  • 72% das pessoas que possuem alto-falantes ativados por voz os usam em suas rotinas diárias;
  • 55% de todos os lares terão um alto-falante inteligente até 2020
  • As compras por voz aumentarão de R$ 5 bilhões hoje para R$ 120 bilhões em 2022.

Exemplo de pesquisa por voz: você sabia… que um growth hacker faz?. Simplesmente peça ao Alexa “o que é um Growth Hacker e o qe ele pode fazer pela minha empresa” e você poderá ouvi-lo em segundos.

8. O vídeo assume a frente e o centro do palco

Se você ainda não experimentou o vídeo para comercializar seus negócios, 2020 é o ano em que você deve começar. 82,2% dos profissionais de marketing dizem que aumentarão seus investimentos em vídeo em 2020. 49% dizem que aumentarão especificamente a presença de suas marcas no YouTube.

Até o YouTube registrou um aumento de 34,36% no envolvimento de 2018 a 2019. A mudança para um conteúdo mais dinâmico continuará.

Dica growth: Se você não se sentir confortável com o vídeo, contrate uma agência ou consultor para ajudá-lo. Você também pode começar com micro-conteúdo, como histórias do Instagram, Instagram TV, vídeo do Twitter, Tik Tok e a lista continua.

9. Pesquisa Visual

Você sabia que as imagens são retornadas para 19% das consultas de pesquisa no Google.

As marcas já devem usar recursos visuais em todos os aspectos do marketing. Chegou a hora de levar a sério não apenas as postagens sociais, vídeos e postagens de blog visualmente atraentes, mas também agora precisamos olhar para a pesquisa visual.

Google, Pinterest e Bing, por exemplo, estão entrando bastante no jogo de busca visual. O Google e o Pinterest têm seus próprios recursos de pesquisa de lentes que reconhecem objetos e pontos de referência por meio de um aplicativo de câmera.

Dica de um growth: os profissionais de marketing precisam garantir que suas imagens estejam aparecendo no topo dessas pesquisas. Uma maneira fácil de superar a concorrência!

10. As marcas encontram sua voz com podcasting

Os podcasts e o marketing de áudio apresentam enormes oportunidades para as marcas superarem o ruído e alcançarem seus clientes-alvo de maneira significativa. Se você já pensou em lançar um podcast, 2020 é o ano para embarcar e experimentar.

11. O conteúdo se torna mais interativo

Os profissionais de marketing devem explorar maneiras de interagir com seus públicos de maneira significativa e divertida. As redes sociais estão facilitando para nós. Redes sociais como Instagram e Twitter oferecem recursos fáceis de usar para pesquisas, votações e curadoria. Os profissionais de marketing podem ser realmente criativos com campanhas que têm um foco interativo desde o primeiro dia.

Dica growth: comece explorando o poder do Instagram Stories usando suas pesquisas, criação e outros recursos que tornam super fácil tornar seu conteúdo divertido e envolvente.

12. As marcas são pessoais e criam experiências memoráveis

O primeiro marketing do público é um requisito, não uma opção em 2020.

Mais marcas terão uma primeira abordagem de marketing do público-alvo para sua presença digital e estratégias de marketing. Eles vão mais fundo do que dados demográficos, como idade, sexo e renda. Em vez disso, os profissionais de marketing começarão a analisar psicográficos, como crenças, atitudes, comportamentos e o motivo pelo qual seu público se envolve da maneira que faz.

Você não pode criar experiências memoráveis ​​para alguém que não conhece. Marketing de audiência significa que você conhece seu cliente melhor que sua concorrência, ponto final!

13. Marcas adotam automação

Os profissionais de marketing estão adotando inteligência artificial e automação para inspirar, conectar-se e entender seus clientes.

Mesmo se você ainda se sentir intimidado por essas tecnologias, poderá começar com pequenos passos. Por exemplo, comece olhando para seus objetivos. Uma meta, como melhorar o atendimento ao cliente, pode ser melhor atendida explorando as mensagens diretas no Twitter, Facebook Messenger ou e-mail marketing.

Dica growth: sempre dê ao seu público uma maneira fácil de optar por não participar. Se você criar conteúdo e conversas incríveis de forma consistente, eles voltarão para mais!

14. Métricas de vaidade nas mídias sociais ficam atrás de resultados mensuráveis

Finalmente, as redes sociais como o Instagram estão ficando mais inteligentes ao mudar o foco para um engajamento verdadeiro e significativo e conteúdo relevante. Fiquei emocionado ao ver o Instagram recentemente testando a remoção de curtidas de visualizações públicas em postagens. Os profissionais de marketing ainda podem ver os gostos em suas próprias postagens, mas outros não os verão.

Espera-se que os dias dos profissionais de marketing fraudulentos que compram seguidores falsos e usem bots para engajamento falso estejam chegando ao fim em breve.

Dica de poder: O marketing digital sempre foi e será uma maratona, não um sprint. Abrace a jornada e faça o que é eticamente certo para obter os melhores resultados!

15. A comunidade ainda reina e sempre será!

Resumindo, você nunca pode dar errado investindo nas comunidades e nos seres humanos dentro delas.

Profissionais de marketing inteligentes sabem como aproveitar o poder do OPC – a comunidade e o conteúdo de outras pessoas.

Comunidade e humanos são o batimento cardíaco das mídias sociais.

Se você tentar apenas uma coisa nesta lista de tendências, faça isso! Você simplesmente não pode dar errado ou não tentar.

Growth Hacker e Marketing por você ;0) #growthhacker

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.