O comércio eletrônico é a maneira preferida de comprar nos dias de hoje. Segundo o Disruptive Marketing, 80% dos americanos fizeram uma compra on-line apenas no mês passado. Como a maioria dos consumidores está optando por interagir com as marcas dessa maneira, as empresas devem se esforçar para permanecer competitivas e eficientes.

Adaptar-se às tendências emergentes de marketing é a chave para sobreviver em qualquer negócio. Se você deseja permanecer competitivo nos próximos anos, precisará embarcar neste mundo acelerado de e-commerce o mais rápido possível.

Embora existam muitas tendências que você pode aplicar, você precisa saber quais podem mais beneficiar sua marca. Cada empresa possui objetivos e necessidades de marketing exclusivos. Diferentes estratégias funcionam para diferentes empresas. Além disso, o que é eficaz hoje pode se tornar meses irrelevantes adiante.

Portanto, como se você é uma marca que está de olho no crescimento, precisa se manter atualizado sobre o que está mudando e adotar as mudanças que podem impactar positivamente os negócios.

Para facilitar essa tarefa, aqui estão algumas das tendências de ce-commerce que estão dominando 2020:

1) Otimização para celular

As pessoas estão sempre em movimento. Elas estão usando seus dispositivos móveis para tudo, desde a comunicação até as compras. De acordo com outerbboxdesign.com, 79% dos usuários de smartphones fizeram uma compra on-line usando seus dispositivos móveis.

Se você deseja que sua marca seja bem-sucedida, seu site deve atender aos usuários de dispositivos móveis e oferecer compras para dispositivos móveis. É aqui que seus clientes em potencial estão. Você deve otimizar seu site para tornar o processo de compra o mais transparente possível para o comprador.

Com menos opções de digitação e mais cliques, os consumidores podem pesquisar ou comprar com facilidade. Botões amigáveis, como toque para ligar ou call to action (CTA), agora são recursos essenciais nos sites de comércio eletrônico.

A última tendência envolve a incorporação de componentes de smartphones como GPS e câmera para aprimorar a experiência de compra. Por exemplo, ‘buscas próximas de mim’ podem utilizar o recurso GPS, enquanto a câmera pode suportar os recursos de Realidade Aumentada (AR).

2) Utilizando mais conteúdo visual

O uso de conteúdo visual aumentou significativamente ao longo dos anos. As marcas estão criando mais conteúdo visual para atrair os consumidores, sejam imagens de detalhes do produto, vídeos, webinars, infográficos etc. Mas lembre-se de que o público ainda exige conteúdo que agrega valor às suas interações.

As últimas tendências se concentram no uso de conteúdo visual gerado pelo usuário em seu site ou em perfis de mídia social. É importante por duas razões. Primeiro, os consumidores estão interagindo com sua marca em um nível pessoal, fornecendo postagens que adicionam às suas histórias. Em segundo lugar, ajuda na construção de uma comunidade em torno da sua marca. Dessa forma, as pessoas podem ver, contribuir ou comentar sobre como sua marca está influenciando suas vidas.

3) Incorporando recursos de pesquisa por voz

A pesquisa por voz não é um conceito totalmente novo. Assistentes virtuais como Alexa e Siri são baseados em tecnologia de voz. Os mecanismos de pesquisa estão atualizando continuamente seus recursos de pesquisa por voz para melhorar a experiência do usuário. Agora, os recursos de pesquisa por voz estão sendo usados ​​para encontrar respostas e também para fazer pedidos on-line.

As pessoas acham a pesquisa por voz excepcionalmente conveniente, especialmente com as opções de mãos livres. Mais importante, está se tornando um modo de pesquisa mais eficiente, rápido e preferido.

Otimizar um site de comércio eletrônico para pesquisa por voz pode ser desafiador, mas não é impossível. Algumas dicas simples incluem a utilização de conteúdo com mais frases de perguntas e palavras-chave de cauda longa, aumentando a velocidade do site, aprimorando o design de sites responsivos para dispositivos móveis, melhorando o UX e muito mais.

4) produtos sustentáveis

Com o aumento da conscientização do consumidor, a busca por produtos ecológicos não é mais uma moda. Os consumidores estão mais dedicados a assumir a responsabilidade de proteger a Mãe Natureza. Ambientalismo e sustentabilidade estão se tornando grandes tendências no comércio eletrônico.

As empresas estão fazendo progressos para considerar as preferências do consumidor e criar produtos sustentáveis ​​e ecologicamente corretos. Para criar produtos sustentáveis, a BN3TH , fabricante de roupas íntimas masculinas, começou a usar fibras modais em mais de 90% de seus produtos. A fibra modal é fabricada por processos de produção ambientalmente responsáveis ​​e é biodegradável.

A Lush Cosmetics, uma famosa marca de cosméticos sediada no Reino Unido, está usando embalagens sem BPA, que também são 100% recicladas após o consumo. Grandes empresas como Apple e Intel apoiam campanhas de sustentabilidade e doam pela causa. Estes são apenas alguns exemplos da inclinação das marcas para a sustentabilidade.

De embalagens a produtos e doações, o marketing das contribuições da sua marca para a sustentabilidade pode fazer de você uma escolha preferida para os consumidores.

5) Melhor suporte ao cliente

Toda empresa conhece o imenso valor por trás do suporte ao cliente. Mas, quando aplicado ao e-commerce, pode aumentar significativamente a experiência de compra. Sempre que você coloca as necessidades de seus clientes acima de tudo, eles sempre retornam à sua marca.

Os consumidores preferem se comunicar diretamente com as marcas, seja para encontrar respostas para suas perguntas ou resolver preocupações comuns. As marcas de e-commerce devem, portanto, aumentar os canais de comunicação por meio de chatbots , suporte ao chat ao vivo, aplicativos de mensagens de mídia social e muito mais.

Essas tendências growth marketing de e-commerce são mais eficientes, pois ajudam a resolver problemas de maneira rápida e fácil.

6) Marketing de influência

Embora essa não seja uma tendência nova, ela está dominando o comércio eletrônico. À medida que as pessoas passam mais tempo nas mídias sociais, as marcas agora estão de olho em novos clientes nessas plataformas. Por esse motivo, a tendência de usar um influenciador para promover um produto está em ascensão .

Esses influenciadores exercem considerável influência sobre as escolhas dos clientes. Mais importante, está provando ser uma ótima tática para comercializar a marca e alcançar uma grande base de consumidores. Para que tais estratégias sejam benéficas, as marcas devem se conectar e interagir ativamente com o público-alvo.

Ter uma forte reputação de marca ajuda a alavancar o alcance do influenciador, seja por meio de códigos de desconto, concursos ou brindes.

7) códigos QR

Os códigos QR são uma adição recente às estratégias de marketing. Os clientes que usam dispositivos móveis podem escanear facilmente esses códigos para acessar informações sobre um produto ou marca.

Como uma tendência emergente, possui um enorme potencial. As marcas podem utilizar códigos QR de várias maneiras para comercializar, como vincular um produto ao site de comércio eletrônico ou oferecer aos clientes um desconto adicional ou a chance de ganhar um presente surpresa.

O fato de esses códigos serem criptografados desperta a curiosidade dos consumidores. Ele pode aprimorar o engajamento, direcionar o tráfego para seu site e aumentar as vendas.

Pensamentos finais

O marketing do e-commerce requer planejamento e conhecimento das tendências atuais. Seja o comportamento do consumidor ou novos desenvolvimentos tecnológicos, é essencial saber como vários aspectos podem influenciar seus negócios.

Mais importante ainda, é necessário aprender a usar esses elementos para expandir seus negócios. Distingue uma marca de sucesso das marcas comuns. A questão importante aqui é: você está incorporando as últimas tendências de marketing para destacar sua marca?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.