Antes do advento dos grandes dados, as funções de marketing estavam em grande parte focadas na criação de reconhecimento da marca através dos esforços promocionais do mercado de massa.

Normalmente, essas campanhas seriam direcionadas pelo instinto em vez de qualquer tipo de análise quantitativa. Como resultado, muitas vezes não era possível obter informações sobre o crescimento das vendas que levaram ao negócio. Compreensivelmente, a falta de valor claro oferecido por essas campanhas geralmente deixa os CEOs cautelosos sobre investir em qualquer outro marketing.

Na última década, no entanto, a paisagem sofreu uma mudança sísmica. Atrás são os dias em que a propaganda dispersa e as medidas vagas podiam produzir uma campanha de marketing bem sucedida. A introdução de múltiplos pontos de contatos digitais novos na jornada do cliente criou um ciclo de vendas muito mais complexo e trouxe um enorme influxo de dados para a empresa ao lado.

Para dar sentido ao grande volume e à variedade de informações agora disponíveis, os CEOs devem prestar muita atenção às métricas de marketing que causam um impacto real na lucratividade e competitividade de suas organizações. Aqui, alguns indicadores chave de marketing digital que cada CEO deve estar atento.

Custo de aquisição de clientes (CAC)

Como o nome sugere, esta métrica avalia o custo médio de aquisição de um novo cliente. É calculado dividindo os custos totais de marketing e publicidade (incluindo o salário) incorridos durante um período de tempo específico, pelo número de clientes adquiridos durante o mesmo período. A capacidade de relacionar diretamente o número de clientes adquiridos com um investimento de marketing específico só se tornou possível muito recentemente com a chegada de ferramentas de rastreamento de usuários que podem acompanhar uma perspectiva de liderança para receita.

Para os CEOs, esta métrica fornece a medida mais efetiva do investimento contra o retorno, mostrando a receita real criada pelos esforços de marketing da empresa. Se a quantidade de valor gerada por promoções e publicidade não estiver em linha com as despesas, a campanha precisará ser otimizada para criar maiores vendas, ou destruída completamente.

Valor de vida do cliente (LTV)

De acordo com o grupo de pesquisa Gartner, apenas 20% dos clientes repetidos representam mais de 80% dos lucros das empresas, o que apenas mostra o quão importante o relacionamento a longo prazo com clientes pode ser para qualquer organização. No mercado de negócios hipercompetitivo de hoje, as organizações são obrigadas a dedicar mais e mais recursos ao serviço ao cliente e aos programas de retenção. A eficácia desses investimentos é claramente demonstrada através da métrica do valor da vida.

A maneira mais fácil de calcular a LTV é levando uma amostra de clientes e registrando a despesa média durante um período de tempo definido, menos a margem bruta. Divida esse valor pela sua taxa de retenção ao longo do período (subtrair o número de clientes no final do período, do número de clientes adquiridos durante o período e dividir pelos clientes no início do período). Divida a figura LTV resultante com o seu CAC e você pode comparar o valor criado pelos clientes ao longo do período, em comparação com o custo incorrido para adquiri-los.

Um valor maior do que três geralmente indica um ROI elevado sobre os investimentos dos clientes, mas qualquer coisa sobre este valor pode apontar para oportunidades insatisfeitas para um maior crescimento.

Tráfego do site

Por si só, os números de tráfego do site revelam pouco sobre o sucesso de seus esforços de marketing, afinal, sem contexto, um clique não lhe dirá nada sobre a intenção de compra do usuário. No entanto, se você conseguir acompanhar seus visitantes com base em fontes de tráfego, então você poderá desenvolver uma imagem muito mais clara de quais investimentos estão produzindo o maior retorno.

Ao identificar se as perspectivas chegaram ao seu site através de um resultado de pesquisa orgânica, um anúncio pago, um link de mídia social, uma referência por e-mail ou um vídeo do Youtube, você pode trabalhar para otimizar seu caminho mais claro para criar conversões.

 

É, parece muita coisa, mas não é, o tempo de fazer por fazer acabou. Agora você tem como analisar tudo e ter resultados de cada ação de marketing feita. Qualquer dúvida, estou aqui ;0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.